RSS

Cruzeiro goleia e é campeão do Assú Open de Futsal

Time assuense derrotou a Seleção da Várzea pelo placar de 4 a 1 na grande decisão
O Cruzeiro de Assú conquistou o título do Assú Open de Futsal 2011 na noite de sexta-feira (16), diante de um ginásio superlotado, que chegou a capacidade máxima do ginásio Arnóbio Abreu. A equipe assuense derrotou a Seleção da Várzea pelo placar de 4 a 1. Os gols do time celeste foram marcados por Rogério, Júnior Piu-Piu, Vevé e Erverson, enquanto Flávio fez para Várzea. A festa do Cruzeiro foi muito emocionante. Esse foi o ano que a equipe mais investiu em toda a sua história, devido à participação na Liga Nordeste e na Taça Brasil – 1ª divisão. O time realizou boas campanhas nessas duas competições da Confederação Brasileira de Futsal, mas faltava um título de maior expressão, já que a única conquista do ano havia sido o Campeonato Assuense de Futsal. Para a disputa do Assú Open, o elenco foi ainda mais reforçado, porque a conquista do título regional em casa se tornou prioridade.
O time investiu nas contratações de atletas de peso, como o pivô Erverson, do Florianópolis Futsal, time que disputa a Liga Nacional de Futsal e o fixo Topeira, que disputou a Taça Brasil pelo Tigre e surpreendeu ao Brasil, ao ser destaque em uma vitória por 2 a 1 sobre o Corinthians. No Assú Open, Topeira(Foto) inclusive foi eleito como craque do campeonato. Os diretores do time celeste, Túlio Bertoldo e João Nogueira, se mostraram visivelmente emocionados com a conquista do título. Nogueira inclusive chorou bastante e pulou acompanhando o ritmo dos jogadores. Um dos líderes da equipe, o ala Dadá resolveu falar em nome do dirigente, após a conquista do troféu. “A gente escutou muito durante esse ano, fomos chamados de loucos e muita gente aparecia para mandar Túlio e João desistirem. Mas eles foram guerreiros e acreditaram que a gente podia chegar lá e chegamos, através da conquista desse campeonato tão importante na cidade”, disse Dadá.  Com esse título, o Cruzeiro ganha uma premiação de uma moto Shineray 150cc + 5.000mil + troféu e medalhas. A Seleção da Várzea, que foi vice-campeã, ganha 2.500 reais + troféu e medalhas.  Além disso, nas premiações individuais de melhor goleiro, artilheiro e craque, os vencedores levaram troféu, um chip da Vivo e mais 500 reais. A estrutura do evento é possível devido aos patrocínios da Prefeitura do Assú, Governo do RN, Vieira Motos Shineray, Atacadão Vieira e Rádio Princesa. Aliás, este ano o troféu recebe o nome da Rádio Princesa 30 anos. 
Jogo
Com dois times bastante experientes em quadra, a partida foi estudada e técnica. O primeiro gol do jogo aconteceu ainda no início do primeiro tempo, através do ala Flávio, do Cleiltur/Várzea, deixando a fanática torcida do time em delírio. A partir daí, as chances apareceram dos dois lados, mas os goleiros Glauber (Cruzeiro) e Bizinho (Várzea) estavam preparados e fizeram grandes defesas. No entanto, os gritos de bi da torcida da Várzea começaram a diminuir progressivamente no segundo tempo. O gol de empate do Cruzeiro aconteceu logo no início do segundo tempo, através do fixo Rogério. Pouco tempo depois, o ala cearense Júnior Piu-Piu conseguiu a virada para a equipe do Cruzeiro. Restando cinco minutos para encerrar o jogo, o técnico Roberto Pereira, da Várzea, decidiu escalar o time com um goleiro-linha. Daí, o time do Cruzeiro aproveitou a brecha para marcar dois gols e garantir a goleada e o título regional.
O título teve um gosto ainda mais especial porque o time celeste foi eliminado no ano passado pela equipe da Várzea e jamais havia conquistado uma vitória sobre esse rival. “Mostramos que somos guerreiros e vencedores. Nosso time agora é campeão do Assú Open”, festejou o capitão da equipe, Marcos Peixoto.
Fonte: Carlos Guerra Junior

0 comentários:

Postar um comentário